Diário de Malta, capítulo dois

7 comentários
Beach Club
Demorei pra voltar, né? Mas não se preocupem não, que isso é bom sinal. Sinal de que eu estou fazendo bastante coisa.
Afinal, Malta é uma ilha, mas não é assim tão pequena que não possa ser aproveitada. E durante essa semana, aproveitei bastante.
Entre outras coisas, descobri... BRASILEIROS. Tipo, muitos brasileiros. Tipo tantos brasileiros que chega a me dar nervoso, porque eu tinha certeza de que não ia encontrar nenhum brasileiro por aqui. Mas aqui estou eu, e aqui estão eles, e isso não poderia ser mais mentiroso.
Conheci uma porrada de brasileiros, mas conheci gente de outros lugares também. Russos, alemães, suíços, e de tantas outras partes do mundo que fica difícil contar. Sou péssima pra guardar nomes e nacionalidades. Sempre esqueço de onde as pessoas são.
A tal igreja
Essa semana também aproveitei pra ir à praia, FINALMENTE. Ok, não finalmente, já que faz só uma semana que eu cheguei. Mas, na terça-feira, tirei a tarde de folga pra conhecer o Beach Club da escola - que na verdade é o espaço de um hotel que a gente pode usar de graça, piscina e saída pro mar. E entrei no Mediterrâneo! Água geladinha, salgada, super azul... pra mim, um mar como outro qualquer. Com a diferença de ser O MEDITERRÂNEO, né, vamos combinar! Ótimo pra aliviar o calor absolutamente estressante dessa ilha. Todos os dias,ás 9 da manhã, já faz um calor de insuportáveis 30 graus. Pouco pra algumas pessoas do Brasil que chegam a pegar 40 graus, o suficiente pra me fazer derreter.
Também tive tempo pra mais baladas (uhuul) e pra passear MUITO no final de semana. E essa foi, com certeza, a parte mais legal.
A beleza natural de Gozo
No sábado, fui pra uma ilha vizinha numa excursão com a escola, a chamada Gozo Island (pausa para piadinhas infames. Continuemos). Gozo é parte do arquipélago de Malta, e é uma ilha que, antigamente tinha nativos, que foram dizimados por PIRATAS, acreditem se quiser. Há várias ruinas e prédios realmente antigos na cidade, cuja população hoje é formada por gente das outras ilhas e de países vizinhos. Bem curioso. Lá também visitamos algumas belezas naturais, como essa da foto, e uma igreja super bonita, mas na qual ninguém poderia entrar se não estivesse devidamente coberto. O resultado foi que eu tive que colocar tipo um saiote bizarro pra poder cobrir as pernas - estava de shorts - e visitar a igreja.
Valetta
No domingo, visitamos a capital de Malta, Valetta É uma cidade também muuuito antiga, mas acabamos não nos demorando muito por lá, só andando pelo centro, admirando as construções e passeando pelo comércio que estava, em sua maioria, fechado. Maaas a grande alegria do domingo não teve nada a ver com o passeio a Valetta, e sim com uma coisa com a qual a gente acidentalmente trombou por lá.
Nada mais, nada menos, que a gravação do novo filme do Brad Pitt, World War Z.
Gravação do filme World War Z
Cheguei lá e vi um monte de gente espiando por um muro, e quando fui ver, tinha todo esse cenário árabe montado, vários figurantes, e o  DUBLÊ DO BRAD PITT! Também tive tempo de ver o diretor gritando num megafone, e a produção ajeitando o cenário. Foi um momento paralisante e mágico. Infelizmente só tive tempo de tirar uma foto antes que guardinhas nos expulsassem de lá.
E basicamente, isso foi meu final de semana. Prometo que volto com mais algumas novidades assim que puder :) Apreciem as fotos, comentem, e votem na enquete ao lado!
Beijoquinhas

Diario de Malta

7 comentários

Uhuuul, voltei o/
Como voces estao?
Bom, sei que ainda eh cedo ai no Brasil, mas aqui ja passa das 15h. O que significa que meu primeiro dia de rotina jah esta na metade.
E hoje foi tambem meu primeiro dia de aula!! Mas antes de chegar ate ai, vou compratilhar mais uma ou duas coisinhas com voces.
Primeiro, MINHA MALA CHEGOU! Depois de muita insistencia, consegui me comunicar com a companhia aerea que me jurou que a mala chegaria no domingo as 7 da manha. FAIL. Chegou quase duas horas depois. Mas chegou, e isso eh o que importa, certo? Tenho todas as minhas roupas, minha camera, minha maquiagem, MINHA SOBREVIVENCIA disponiveis agora!!
O final de semana foi dia de andar, e andar muito. No sabado, caminhei boa parte da tarde e da noite, e no domingo, fiz a mesma coisa. Sai do alojamento as 11 e meia da manha, e andei pela praia e pelo "calcadao" por uma hora ate parar pra comer.
Curiosidade: as praias aqui sao feitas de pedra. Nao pedrinhas, com terreno liso, mas pedras enormes, rochas mesmo, e eh em cima delas que as pessoas tomam sol.
E hoje.. bom, hoje foi dia de aula. Acordei cedo, tomei cafe correndo, e fui pegar o onibus (acompanhada de outra brazuca que esta no meu predio) com aquele puta medo de me perder. PASMEM: a passagem de onibus aqui custa 47 CENTAVOS. Igualzinho no Brasil neh?
Depois de uma provinha basica de escrita, listening e interpretacao de texto, fui parar na turma avancada (nao creio ateh agora!!) e tive aula com uma velhinha muito simpatica que nos ensina fonetica, vocabulario, gramatica, tudo isso na pratica do ingles, discutindo assuntos diferentes. Foi bem divertido :)
E soh pra voces nao poderem dizer que eu nao contei nada de diferente, ai vao outras curiosidades:
- O idioma nativo aqui eh o maltes. Quase todo mundo fala ingles, mas nao eh o idioma principal. O maltes soa como uma mistura de russo, italiano e ingles, e escrito eh cheio de acentos e vogais esquisitas. Nao se parece com nada que eu ja tenha visto.
- As maos de direcao do transito aqui sao invertidas, assim como o lado do motorista - o nosso lado do passageiro eh pra eles o lado do motorista, como na Inglaterra.
Bom, por hoje eh soh isso! Volto assim que tiver mais coisa pra contar!
Beijoquinhas!

Primeiro Post Estrangeiro o/

5 comentários

E aqui estou eu! Antes de mais nada, quero que me perdoem por todos os possiveis e inevitaveis erros de portugues. Nesse computador que eu estou, que eh do alojamento, nao consigo colocar nenhum tipo de acento, entao, vai ficar essa beleza desacentuada e sem cedilhas. Espero que nao se importem.

De qualquer maneira, aqui estou eu! Cheguei ontem a noite e ja fiz tanta coisa e ja me ferrei tao bonito! Vou comecar com a parte ruim, eh claro, que eh pra todo mundo rir bastante da minha cara.

Bom, cheguei na sexta-feira em Paris, em cima da hora pro voo seguinte, que vinha aqui pra Malta. Saio correndo. Encontrei um carinha no aeroporto que falava portugues (3 vivas!!), e ele me indicou o caminho muito corretamente. O problema eh que eu tinha que atravessar todo o aeroporto pra conseguir chegar ate a ala do novo embarque. E qual eh a minha surpresa ao chegar e encontrar o caminho INTERDITADO?
Eh, soh acontece comigo.
Perdi 40 preciosos minutos nesse bloqueio feito pela policia francesa, e ate agora nao sei exatamente o motivo, afinal, eu nao falo uma palavra de frances. Ate terem liberado, eu ja tinha ligado pra minha mae, pros meus amigos e pedido socorro pra agencia de intercambio achando que eu fosse perder o voo. Quando finalmente pudemos passar, eu sai correndo em disparada, e a boa noticia disso tudo foi que consegui pegar o voo. Pena que nao fui na janelinha.
Ai, acho que as mas noticias acabaram, mas chego em Malta, e minha mala.. nao veio. Eh, estou sem mala - e sem roupas, sem coisa pra tomar banho, sem NADA alem dos documentos e da bolsa - ate agora. Tive que tomar banho e vestir a mesma roupa por falta de opcao. Tentei ligar no maldito numero da companhia aerea, mas ninguem atende. Pelo site, eles informam que a mala foi encontrada, mas que estao esperando confirmacao. Tipo, ok. O que quer que isso seja. Soh que ficar sem mala eh a pior coisa de todo o universo.
Ah, e como se nada disso bastasse, o ar condicionado esta quebrado, a luz do banheiro nao acende, e o frigobar esta aparentemente pifado. Diz ai, alguem eh tao sortuda quanto eu?

Mas eh claro que tem uma parte boa, certo?

A parte boa eh que o lugar eh realmente maravilhoso. Tipo muito bonito mesmo. As ruas sao estreitas, e os predios sao antigos, e as areas mais populares da cidade sao cheias de luzes e gente bonita. Sai ontem a noite, e fiquei maravilhada.
Outro lado bom eh que, ate agora, muitas coisas me sairam bem barato. Fui fazer umas comprinhas de comida pra deixar no quarto, e com menos de 10 euros consegui comprar muito mais coisa do que teria conseguido com o valor equivalente em reais. Entao pelo menos fome eu nao passo XD

Bom, essas sao minhas primeiras noticias. Nao tem nenhuma foto pq minha camera ficou na mala extraviada. Entao, rezem pra que essa mala chegue HOJE o mais rapido possivel, ok?!! To no desespero!

Fico por aqui!
Beijocas e ate loguinho!

De malas prontas :)

6 comentários
Oioioi, gente :D Como vocês estão?
Bom, a partir de hoje e pelos próximos dias, minhas aparições por aqui terão um gostinho diferente - um gostinho de terras estrangeiras. Por quê? Porque hoje eu estou de malas prontas e saindo de viagem.
Nada de férias - ok, talvez um pouco. Durante um mês, vou estudar inglês fora, e depois são mais 20 dias de mochilão para Europa. Meu destino agora? Ilha de Malta.
Ai vocês me perguntam: mas onde diabos fica essa tal Malta?
Malta é uma ilhazinha bem simpática que fica lá no Mar Mediterrâneo, embaixo da Itália.
Eu também nunca tinha ouvido falar. Mas ai, na hora de escolher meu destino, vi que tinha a opção de ir pra essa ilhazinha tremendamente bonita (procurem por "Ilha de Malta" no Google Imagens e vão saber do que eu to falando), que quase não recebia brasileiros, e voilá. Decidido.
Então, é isso. É de lá que vou compartilhar meus próximos posts com vocês. E, claro, encher esse blog de fotos e relatos de tudo que valer a pena contar! Que Malta me aguarde... e vocês também :D


PS: As vendas de As Bruxas de Oxford que estavam sendo realizadas pelo meu site serão suspensas a partir de hoje, uma vez que não estarei aqui pra atendê-las, e retomadas a partir de agosto, quando eu volto pro Brasil. Mas ainda dá pra comprar pelo site da Editora Multifoco, ok? ;) ficadica!

Beijones!!

Conto: Caixa de Nós Dois

8 comentários
Escrevi esse conto este final de semana, num surto que veio sei lá eu de onde. É curtinho, numa única parte, mas eu gostei tanto que resolvi postá-lo aqui. Espero que vocês gostem também. Cliquem em "leia mais", leiam e depois me contem o que vocês acharam, ok? ;)

Curiosidades: As Bruxas de Oxford

4 comentários
Faz tempo que eu não passo por aqui pra falar besteira, né? Tava ficando com saudade, mas faltava assunto.
Ai lembrei daquele post de curiosidades (relembre aqui) e no quanto vocês curtiram aquela enxurrada de baboseiras que eu despejei aqui, e resolvi fazer o mesmo hoje. Mas, como a minha onda agora é espalhar a palavra sobre meu novo livro, As Bruxas de Oxford, então hoje as curiosidades serão só sobre esse livro!
Mas lembrando que esse post pode conter alguns spoilers pra quem não leu, ok?

Então, vocês sabiam que...

...Malena e Dorothi iam ser duas pessoas 'separadas'. A idéia final surgiu quando eu já estava para terminar o segundo capítulo
...O nome 'Malena' surgiu por causa de uma garota que lia meus contos pelo orkut. Eu vi o nome dela, e pensei "que coisa linda". Meses depois, quando ela me perguntou de onde eu tinha tirado o nome, e eu disse "de você" ela quase não acreditou. Até hoje, eu nunca a vi pessoalmente.
...A característica incomum da Malena (quem leu sabe o que é) era pra ser um link entre ela e Dorothi. Mas eu me esqueci disso no meio do caminho, e esse fato nunca veio à tona
...O título original do livro era "A Casa Azul" - por motivos óbvios
...O livro foi escrito em dois meses, e ficou na gaveta por mais de um ano até eu procurar uma editora
...Enquanto eu escrevia, eu trocava constantemente o nome de dois personagens (o avô e o tio da Malena), e só corrigi todas as trocas depois que tinha terminado de escrever
...O Sam não ia ser um papel importante. Só mais pro final é que decidi o que fazer com ele - e acreditem, vai muito além daquele final
...Não era pra ser uma série. Eu comecei a escrever o segundo livro sem pretensões, pra responder umas perguntas pra mim mesma, mas a coisa saiu completamente do meu controle e originou uma idéia enorme que eu não conseguiria ignorar, tampouco juntar num único livro
...Inicialmente, o Ned ia ser um equivalente ao Jacob (de Crepúsculo) pra Malena. Quando comecei a escrever, me dei conta do quanto isso seria sem noção, e o joguei pra outro lado
...A Oxford do livro fica nos Estados Unidos, e não na Inglaterra, como todo mundo pensa
...Escolhi o nome 'Dorothi' por causa do clássico 'O Mágico de Oz'
...Todos os feitiços deveriam ter sido escritos em latim. Mas eu não manjo NADA de latim

Bom, essas são algumas curiosidades de que eu consegui me lembrar por agora. Mais pra frente, quem sabe eu não volto com mais curiosidades desse e dos meus outros livros? :)
Curtiram? Então comentem! :D

Lembrando que você já pode adquirir seu exemplar de As Bruxas de Oxford pelo meu site! É só clicar aqui e comprar o livro com frete incluso, autógrafos e brindes por R$35! E agora dá pra pagar no cartão de crédito! São os últimos exemplares, então, aproveitem! :D

BEIJÕES!
 
Larissa Siriani | Copyright © Design por Naiare Crastt • Mantido pelo Blogger