Quebra-cabeças

A cada bom dia, um pedaço meu fica com você. Nas horas que passo pensando em como você está, e nas conversas que a gente tem ao longo do dia, esse pedacinho meu se multiplica em boas energias pra te alcançar.

Cada vez que eu te abraço, um pedaço meu fica com você. Ele se prende na curva do seu pescoço e penetra tua pele, e antes que você saiba, esse pedaço virou o meu perfume grudado na sua roupa pra não te deixar esquecer.

Cada vez que eu te escrevo, um pedaço meu fica com você. Fica impregnado na tinta da caneta, e se desprende enquanto você me lê, uma palavra de cada vez.

Cada vez que eu me despeço, um pedaço meu fica com você. Está no gosto do beijo do até logo, e no sorriso que eu te dou enquanto vejo as portas do trem se fechando. Ele se perde na tua corrente sanguínea e se transforma na saudade que a gente sente minutos depois de ir embora.

De pedacinho em pedacinho, te entrego partes minhas que nunca entreguei a ninguém. Te vejo montar esse quebra-cabeças maluco que sou eu, enquanto você desvenda minhas muitas peças e se esforça pra fazer com que elas façam sentido. E eu sei que, enquanto isso, também estou guardando os pedacinhos seus, tão únicos e belos, e montando meu próprio quebra-cabeça. Um que, alguma hora, de alguma forma, vai completar o meu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
Larissa Siriani | Copyright © Design por Naiare Crastt • Mantido pelo Blogger